Buscar
  • rejuind

Últimos dias da 1ª Edição do Prêmio Juventudes Inovadoras

O Fundo de Desenvolvimento para Povos Indígenas da América Latina e Caribe (FILAC, sigla em espanhol) juntamente com a Universidade Indígena Intercultural (UII) está promovendo a 1ª Edição do Prêmio Juventudes Inovadoras.

O tema do prêmio é "Inovação e Conhecimentos Tradicionais para alcançar o desenvolvimento sustentável"


OBJETIVO

O objetivo do prêmio é tornar visíveis as iniciativas e experiências inovadoras bem-sucedidas na aplicação ou revitalização do conhecimento tradicional indígena que tenham um impacto positivo na conquista do desenvolvimento sustentável desde a percepção dos Povos Indígenas. As iniciativas devem ter sido desenvolvidas e lideradas por jovens indígenas de um dos países membros da FILAC. Jovens indígenas podem aplicar desde que haja o apoio/respaldo da sua organização indígena, coletivo ou comunidade.


IMPORTANTE

1. Os interessados em participar da chamada devem preencher o seguinte formulário de inscrição no seguinte link: (https://forms.gle/3FBVk23wxdJWBTDb9) respondendo claramente às perguntas. Essas respostas constituem uma descrição da iniciativa, porque a considera inovadora, qual o impacto social, seu escopo e qual é a contribuição na implementação dos direitos dos Povos Indígenas.

2. Envie um vídeo de cinco minutos em que compartilhe brevemente em que consiste a iniciativa, o problema que ela aborda e seu impacto social sobre os povos indígenas. Você pode enviar o vídeo pela plataforma do YouTube, caso não tenha conta podemos subir no canal da REJUIND (https://www.youtube.com/channel/UCdXMVEiBqsZ9y3UNLLhKtsw?view_as=subscriber)


Considerando a realidade brasileira, os vídeos poderão ser em português sem a necessidade de legenda ou tradução.


Serão considerados três tipos de aspectos de inovação para participar desta chamada

1. Desenvolvimento de tecnologias da informação que contribuam para o desenvolvimento social e humano das comunidades indígenas, levando em consideração as características econômicas, políticas, sociais e culturais. Eles podem se concentrar em revitalizar a identidade dos povos indígenas ou contribuir para minimizar as lacunas de comunicação em comunidades isoladas.

2. Desenvolvimento de soluções inovadoras para problemas ambientais e / ou promover produção, transformação e consumo sustentáveis, com base no conhecimento tradicional dos Povos Indígenas. Eles podem abordar os seguintes problemas: insegurança alimentar, insegurança energética, perda de diversidade biológica, poluição, gestão da água, má gestão e desertificação da terra.

3.Inovações relacionadas a iniciativas e expressões artísticas culturais baseadas na recuperação de elementos do conhecimento tradicional indígena, vinculados ao fortalecimento da identidade das novas gerações. As iniciativas podem ser aplicadas ao processo de produção, preparação, venda ou disseminação, no âmbito do respeito pelos direitos dos Povos Indígenas. Iniciativas prioritárias e expressões artísticas e culturais que promovam e abordem abordagens de gênero, interculturais e de inclusão.


CRITÉRIOS DE PARTICIPAÇÃO

Jovens indígenas de qualquer um dos países membros do Fundo para o Desenvolvimento dos Povos Indígenas da América Latina e Caribe (FILAC)podem participar, apresentando iniciativas e experiências inovadoras relacionadas ao desenvolvimento de tecnologias da informação; soluções inovadoras para problemas ambientais e / ou promoção de produção e consumo sustentáveis; inovações relacionadas a iniciativas e expressões artísticas culturais. Todos eles relacionados à recuperação de elementos do conhecimento tradicional dos Povos Indígenas.

Os candidatos devem atender aos seguintes critérios:

1.Pertencer a um povo indígena de um país membro da FILAC;

2.Idade máxima de 29 anos;

3.Carta de recomendação de uma organização ou povo indígena, na qual a autoridade máxima certifica o vínculo do candidato com o povo indígena; e

4. Serão consideradas preferencialmente as aplicações dos falantes de sua língua nativa e/ou demonstram um interesse específico no tema dos idiomas maternos.


DATAS IMPORTANTES

Lançamento da convocatória: 12 de agosto

Recebimento das inscrições: 30 DE SETEMBRO (últimos dias)

Seleção e avaliação pelo comitê de profissionais: 01 a 07 de outubro

Resultado final: 14 de outubro


CRITÉRIOS DE SELEÇÃO

A seleção e avaliação das iniciativas serão realizadas por um comitê de especialistas indígenas, que levará em consideração o grau de inclusão do conhecimento tradicional, o nível de inovação e o impacto positivo nos povos indígenas.Os critérios de avaliação para a seleção de iniciativas serão:

1.Relevância cultural;

2.Promoção do trabalho coletivo;

3. Capacidade de gerar mudanças de percepções atitudes e práticas; e

4. Recuperação e reconhecimento do conhecimento tradicional.


DA PREMIAÇÃO

As experiências e iniciativas selecionadas receberão um prêmio do Fundo para o Desenvolvimento dos Povos Indígenas da América Latina e Caribe, que será entregue no âmbito da XV Assembleia Geral da FILAC, que será acompanhado pelos seguintes prêmios:


1º lugar: 2 mil dólares destinados a apoiar o desenvolvimento da sua iniciativa inovadora;

2º lugar: 1 mil dólares e a participação na reunião preparatória para a COP 25, a ser realizada em Santigo (Chile), em novembro de 2019.

3º lugar: 1 mil dólares como incentivo para desenvolvimento de capacidades para geração de novas propostas.


Corre que são os últimos dias.

Mais informações em: https://www.filac.org/wp/eventos/premiojuventudes/


Boa sorte.

20 visualizações

Posts recentes

Ver tudo

Site criado por Alexandre Pankararu, em novembro de 2018, com o apoio dos colaboradores da REJUIND.

REJUIND - REDE DE JUVENTUDE INDÍGENA

E-mail: rejuind@gmail.com